Contato:

CONTATO: vereadorajanaina@gmail.com - 99776041

sábado, 28 de fevereiro de 2015

JANAINA FURTADO VEREADORA: A Lei da Semeadura (Reflexão)



Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Gl 6:7

A Palavra de Deus é uma semente. Ela é fértil e completa, perfeita para cada um de nós.

Ela fala sobre a uma lei. Uma lei que difere de muitas outras existentes.Uma lei que independente de governo, raça ou credo faz com que todo o ser humano a experimente. Esta lei não escolhe ricos ou pobres. Não escolhe cultos ou analfabetos. Não escolhe linhagem nobre ou descendência plebéia, fama ou anonimato. Ela está presente tanto naqueles que a conhecem quanto naqueles que não tem conhecimento dela. 

Ela é uma lei universal, inserida em cada ser humano, não importando se o mesmo a aceita ou a rejeita, ela está lá, e executará sua sentença. Seu nome difere de todos os outros e remete ao princípio da criação. Ela se chama Lei da Semeadura. Simples de entender, mas severa em sua aplicação. Ela traz a certeza que o resultado do que foi plantado será colhido. Benção para os retos, preocupação e problemas para os incautos. Pior ainda para os que a conhecem e rejeitam o seu ensinamento.

A Bíblia fala muito sobre sementes e semeaduras. Deus usando a Davi no livro dos Salmos diz: Aquele que sai chorando, levando a semente para semear, voltará com cânticos de júbilo, trazendo consigo os seus molhos. Sl 126:6

A semente do evangelho é levada com esforço, dedicação e muitas vezes com lágrimas. Não existe evangelho fácil. Para ganhar almas é necessário derramar lágrimas pelos perdidos. É a forma de “regar” a semente que está sendo plantada. De sentir o preço que vale uma alma para o Senhor. A Lei da Semeadura então é aplicada. A semente foi lançada, houve esforço, lágrimas e o resultado, voltando com os seus frutos e em cânticos, com um coração alegre, vendo que Deus não falha, nunca muda e que nEle podemos confiar.

Mas a Bíblia também fala de outro tipo de semente e semeadura. No livro de Provérbios está escrito: O que semear a perversidade segará males; ...Pv 22:8 O homem que planta o mal, colherá o mal. No mundo de hoje parece que a injustiça prevalece muitas vezes à justiça. Ladrões ricos e famosos estão soltos, porque com sua riqueza e poder compram sua liberdade. Jesus sabia que a justiça humana sempre foi e será falha. Em Lucas 12: 58 ele adverte: Quando, pois, vais com o teu adversário ao magistrado, procura fazer as pazes com ele no caminho... , porque isso? Para que a lei da semeadura não venha a ser aplicada a ambos de forma mais intensa. Não é porque você tem razão que tem direito, e nem porque tem direito que tenha razão. Um homem pode ir às últimas instâncias, lutando pela justiça humana, mas quando esta é feita, muitas vezes poderá ser aplicada de forma tão severa ou superficial que jamais o deixará em paz. Ele ganhou a guerra mas não teve paz. A Lei da semeadura será aplicada assim mesmo em ambos: o que prejudicou e o que foi prejudicado e a sentença será dada não apenas pelos homens, mas por Deus.

Há uma semente que Deus abomina e infelizmente está presente em todas as Igrejas. Digo todas, pois sinceramente não creio que exista uma igreja perfeita neste mundo. Isso é simples de entender. O Homem é imperfeito e nada que ele faça será perfeito. Busca-se a perfeição, mas ela somente existe em Deus. A semente que Deus abomina é a semente de contendas entre irmãos. Cristãos brigando com cristãos. Deus diz no livro de Provérbios: Pv 20:16 Há seis coisas que o Senhor detesta; sim, há sete que ele abomina: olhos altivos, língua mentirosa, e mãos que derramam sangue inocente; coração que maquina projetos iníquos, pés que se apressam a correr para o mal; testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.

A semente da contenda é o ingrediente principal de Satanás para causar divisão e enfraquecimento espiritual. Nada mais é tão letal e perigoso para o reino de Deus quanto a semente da contenda. Infelizmente ninguém até hoje conseguiu erradicá-la, embora muitos tentem ela ainda está presente em muitos corações humanos. Deus disse: Eu a abomino!

No evangelho da prosperidade, ( estou me referindo ao evangelho fácil com foco nas riquezas terrenas, não me refiro de forma alguma a prosperidade abençoada que Deus dá para cada um de seus filhos ) é pregado constantemente que tudo que se dá para Deus será multiplicado até 100 vezes mais. Não está errado pois o conceito é bíblico, no entanto será que estas pessoas estão dando realmente para Deus? Qual objetivo de estarem ofertando? De ficarem ricas neste mundo? E os que pedem estão fazendo mesmo o trabalho de Deus? Onde está sendo aplicado? Deus diz em sua Palavra: Semearam trigo, mas segaram espinhos; cansaram-se, mas de nada se aproveitaram; haveis de ser envergonhados das vossas colheitas, por causa do ardor da ira do Senhor. Jr 12:13

Porque a semente boa que era o trigo virou espinhos? Porque o cansaço e a fatiga em vez do júbilo e alegria? Porque Deus não se agradara daquilo que estava sendo feito e como estava sendo feito. A ira do Senhor vem quando há injustiça. Quando existem corações que não estão retos perante Deus. Quando as intenções parecem mas não são boas, as conseqüências serão os prejuízos e que muitas vezes envolvem inocentes. Os homens falham em seu julgar e são conduzidos em boa parte das vezes pelas aparências e a injustiça então é feita. No lugar de uma boa semente que estava sendo levada, colhem-se espinhos. Existe um momento que Deus intervém à Lei da Semeadura. Quando há injustiça junto à Sua Obra. Quando sua ira se ascende a lei da semeadura pela qual conhecemos então é alterada e nem que se plantem coisas boas serão colhidos seus frutos. Debaixo da ira divina nada prospera e ainda que alcancem alguma prosperidade, esta será momentânea e apenas terrena.

Tudo o que o homem semear isso também ceifará. Essa é a Lei da semeadura. Cuide o que está sendo semeado em sua família, junto aos seus filhos, em sua Igreja. Cuide para não trazer a ira do Senhor sobre sua vida. Atente para ficar aos pés do Senhor com humildade. Não se preocupe, justiças serão feitas. Há muito que estará para o juízo final, mas antes disso a Lei da Semeadura aplicará sua sentença a cada ser humano sobre a face da terra.

...Eis que o semeador saiu a semear. Mt 13:3

Fonte: http://www.planodedeus.org/

Nenhum comentário:

Postar um comentário