Contato:

CONTATO: vereadorajanaina@gmail.com - 99776041

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

PREOCUPADA COM OS CASOS DE MALÁRIA, VEREADORA JANAINA VISITA SETOR DE ENDEMIAS DE TARAUACÁ


Na semana passada, a vereadora Janaina Furtado  fiz uma visita ao Setor de Endemias no município e conversou com o responsável pelo órgão, Sr. Valderlei Tomé. O objetivo da visita foi colher informações de um possível surto de malária nas comunidades do Gregório, Tauari e Taquari. 

De acordo com informações do coordenador, de fato há uma incidência grande de casos de malária e as providências já estão sendo tomadas. 

Em 2014 foram realizados 6.680 exames na região, sendo que deram positivos 1.229 casos. Já em 2015 até agora são 3.985 exames para 694 casos confirmados. 

Apesar das dificuldades do quadro de pessoal, equipamentos e veículos, especialmente motos, para execução do serviço. Mesmo assim, foram entregues cerca de 500 mosqueteiros para habitantes da região da BR 364 como também realizados serviços de borrifação intra domiciliar, alem de exames e tratamento da doença. 

"Nem motor de borrifação a gente tem. Quando precisamos temos que recorrer ao município de Cruzeiro do Sul e pedir emprestado", disse Valderlei.

A vereadora disse que recebeu essa informações de moradores da localidade e antes de se manifestar foi buscar a informação no órgão competente. "Fui muito bem recebida pelos servidores do Setor de Endemias, especialmente o amigo Leis. De posse dessas informações vou conversar com o Secretário Municipal de Saúde Calos Tadeu para pedir melhores condições de trabalhos para nossos agentes", disse ela. Janaina também vai solicitar da Secretaria Estadual da Saúde informações sobre o plano de eliminação da doença no estado.

A doença - A malária é uma doença infecciosa transmitida pela fêmea do mosquito Anopheles infectada pelo Plasmodium. Os principais sintomas são febre alta, calafrios, tremores, suor e dor de cabeça. Atualmente, não existem vacinas disponíveis. O tratamento é simples e eficaz, mas, se a doença não for tratada, ela pode matar.

Plano de eliminação da doença - Para combater a doença, o Ministério da Saúde lançou o Plano de Eliminação da Malária no Brasil, na última terça-feira (10). A ação faz parte dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) lançados pela Organização das Nações Unidas (ONU). A meta é reduzir 90% dos casos até 2030 e da eliminação de malária em pelo menos 35 países.

De acordo o ministério, a região amazônica é responsável por 99% dos casos naturais do país. Fora da região amazônica, mais de 80% dos casos registrados são importados dos estados pertencentes à área endêmica brasileira, de outros países amazônicos, do continente africano, ou Paraguai. Desde 2000, tem havido redução de mais de 50% de casos no Brasil.

Assessoria Parlamentar
Vereadora Janaina Furtado
Rede Sustentabilidade 
Tarauacá-Acre

Nenhum comentário:

Postar um comentário